Jantar MLx 2017

Sexta-feira à noite. Quem passa na rua não deixa de se perguntar o que leva aquela gente toda a atravessar o pesado portão das Cavalariças do Pestana Palace. Pelas janelas conseguem-se ver grupos de amigos em animada conversa. Nas aprimoradas salas vêem-se universitários a acabar de pôr as mesas. À porta somos recebidos por duas simpáticas voluntárias que confirmam a lista de convidados e no bengaleiro deixamos o casaco. Mas afinal o que une toda esta gente? A apresentação do Meeting Lisboa 2017.

O convite era para jantar. Primeiro umas deliciosas entradas, depois a apresentação do tema do MLx2017 pela presidente da Associação Cultural, Aura Miguel. Seguiu-se o jantar e a noite foi de música a cargo dos MaZéi.

Nas várias salas o ambiente era leve: encontros inesperados e divertidas conversas de amigos. E discretamente lá se viam passar uns voluntários que tudo garantiam para que o jantar fosse um sucesso. Quem os seguisse – como nós fizemos – iria dar à sala mais escondida das cavalariças: a cozinha.

Foi lá que encontrámos Isabel, de 35 anos, directora financeira de uma sociedade de advogados, a quem tinham pedido que recebesse as sobremesas e as preparasse para serem servidas. “Foi espectacular, a cozinha é o sítio onde tudo se passa! Às tantas ninguém queria sair dali.” E perguntada sobre o porquê de tanta atractividade responde: “Estávamos a tentar que tudo saísse perfeito da cozinha para a sala, estávamos contentes. Não havia stress, não se sentia o stress e aquela tensão de “como é que isto que estamos a fazer vai ser recebido?. Estávamos livres do resultado, porque estávamos certos daquilo que estávamos a fazer e estávamos bem entre nós”.

Ao leme da cozinha estava Luísa, de 50 anos, assistente administrativa. “O ambiente divertidíssimo” na cozinha foi o que mais gostou, pois “estava tudo muito bem disposto, logo desde as dez da manhã”. E porque é que foi assim? “Porque estávamos todos mesmo a querer construir o Meeting!”

Tal como Isabel e Luísa, centenas de voluntários estão já a trabalhar para construir o Meeting Lisboa 2017. ‘Do amor ninguém foge’ é o título da edição deste ano, já nos próximos dias 23, 24, 25 e 26 de Março, no Campo Pequeno.